Água de Reuso e Sua Importância no Problema da Escassez

Ok. Mas como isso é feito?  Basicamente são dois processos: um que recolhe a água das chuvas e outro que coleta a água das redes domésticas e comerciais e a leva para os centros de tratamento.

Tipos de coleta  

Dois processos entram em cena quando o assunto é coleta de água. 

A rede de esgoto coleta toda a água utilizada nas casas e pontos comerciais. Isso engloba a água da descarga, do nosso banho e a usada na cozinha e na lavanderia. Através da tubulação, essa água é transportada para uma estação de tratamento, onde o esgoto é tratado e só depois é devolvido à natureza. 

A rede de drenagem de água pluvial recolhe a água das chuvas – que não precisa passar por nenhum tratamento – e a leva de volta para os rios. Essa água deve ser escoada corretamente pela rede de coleta pluvial para que não se misture com o esgoto e possa ser reutilizada. 

As redes de coleta de água das chuvas e de esgoto não devem se misturar. Quando isso acontece, seja por redes clandestinas ou ligações mal feitas, vários problemas podem surgir. Quando as tubulações ficam sobrecarregadas, o esgoto não tem por onde sair e acaba retornando para as residências ou rompendo o encanamento. Além disso, quando se mistura com a água da chuva, o esgoto chega muito diluído às estações de tratamento e isso pode comprometer a eficiência do processo. Quando o esgoto não recebe o tratamento adequado, polui os rios e o solo, além de causar diversas doenças como hepatite, diarreia, difteria e cólera.  

Água de reuso  

A água de reuso pode vir de diferentes fontes. Nas residências, é basicamente toda a água que vai ralo abaixo. Na indústria, é a água que resta depois dos processos de produção – você sabia que para fazer uma calça jeans se gastam em média 10 mil litros de água? Já na agricultura, pode vir dos resquícios da irrigação das plantações. 

Independentemente da origem, essas águas têm uma coisa em comum: elas acabam no esgoto. Ainda que pareça um pouco nojento reciclar água suja, depois de receber o tratamento adequado ela pode ser reaproveitada. 

Reutilizando água em casa  

O problema da escassez da água precisa da atenção dos governos e órgãos responsáveis para que seu tratamento seja feito da melhor forma possível. Além disso, se cada um fizer a sua parte para diminuir o desperdício, juntos podemos fazer a diferença para proteger esse recurso tão valioso. O primeiro passo é termos consciência da importância da água e saber que esse não é um recurso infinito. O segundo é economizar.

Para isso, confira nossas dicas: 

1. Reaproveite a água do banho para a limpeza do quintal, da casa e de automóveis; 
2. Reuse a água escoada pela máquina de lavar para deixar panos de chão de molho ou para limpeza em geral; 
3. Verifique se o encanamento da sua casa está em boas condições para evitar vazamentos; 
4. Utilize baldes e calhas para coletar a água da chuva e utilizá-la nos serviços domésticos. Quer aprender mais sobre o ciclo da água? Que tal se divertir com o nosso quebra-cabeças?